Jornal Praça Pública

Quem vai à FESTA…

A quarta edição do FESTA-Festival Internacional de Artes de Rua, que tem lugar de 21 a 23 de julho, vai ocupar, uma vez mais, as ruas, praças e jardins da cidade de Ovar, numa tentativa de “surpreender e ficar nas memórias das pessoas com que se cruzar”.

Esta é a visão de Fátima Alçada, diretora artística do FESTA, que anunciou que Ovar irá viver três dias diferentes, “com espetáculos de teatro, dança, música, performance, circo, aulas de burro,jogos e oficinas”.

Com um total de cerca 20 manifestações culturais, o FESTA 2017 contará com“estreias nacionais e estreias absolutas”, disse Salvador Malheiro. Para o presidente da Câmara Municipal, o objetivo desta iniciativa, que “tem sido uma aposta consolidada”, é “abrir a nossa cidade e ter uma série de espetáculos de rua”,sendo que o orçamento global para a edição deste ano, “ronda 80 mil euros”.

Um dos destaques da edição deste ano, prende-se coma estreia absoluta do espetáculo“Chuva”, do ovarense Leandro Ribeiro. Trata-se de um espetáculo que terá como pano de fundo o Rio Cáster, que serviu de inspiração ao projeto,onde será retratada “uma história entre um avô e um neto”, disse Leandro Ribeiro,que contará com a participação das gentes locais.

O FESTA 2017 vai ter lugar em alguns espaços tradicionais, mas este ano irá,também, desenrolar-se em três novos espaços. O Rio Cáster,o parque urbano da cidade, e o parque de estacionamento Júlio Dinis.

Para além do “CHUVA”, o FESTA deste ano contará com mais um espetáculo da responsabilidade de um ovarense. Trata-se da“Orquestra Clássica Inventada”, do clarinetista Ivo Pinho, que, a par de 16 músicos, irá fazer uma viagem deambulante, apresentando um projeto de música clássica reinventada

.Outro destaque da edição deste ano do Festival Internacional de Artes da Rua, é a presença de Inês Martins,uma ilustradora científica vareira, que, neste momento, segundo Fátima Alçada, “tem uma residência artística, no Museu Júlio Dinis”.Inês Martins enviou um convite aberto a vários urban sketchers, para virem a Ovar, no próximo dia 22 de julho “desenharem o FESTA”, sendo que, posteriormente, “os desenhos destes urban sketchers serão integrados na exposição dela, que inaugura em setembro”, afirmou Fátima Alçada.

Artigos Relacionados