fbpx
Basquetebol: Lugar no “play-off” está cada vez mais longe
Foto: Tiago Carriola

Basquetebol: Lugar no “play-off” está cada vez mais longe

A Ovarense perdeu na receção ao Lusitânia dos Açores (87-97), no passado sábado, em jogo a contar para a jornada 19 da Liga Placard, e ficou mais longe dos lugares que dão acesso ao “play-off”.
A equipa de Pedro Nuno entrou nervosa no jogo frente aos insulares e não conseguiu impor-se na defesa, permitindo que o Lusitânia contruísse um parcial inicial de 18-25, que acabou por ser determinante para o desenrolar do encontro. Os vareiros protagonizaram um segundo período muito produtivo no ataque (24-23), mas a defesa impediu a recuperação até ao final da primeira parte, com as duas equipas a saírem para o intervalo separadas por seis pontos (42-48).
Na segunda parte o equilíbrio foi a nota dominante do jogo, mas os alvinegros foram incapazes de travar o jogo interior dos visitantes, que se impuseram na luta das tabelas e colocaram muitos problemas aos vareiros, como demonstra a baixa percentagem de aproveitamento da Ovarense no capítulo dos lançamentos de dois pontos (15/40 – 38%).
Os vareiros entraram decididos no terceiro período e Marcus Lovett Jr, com dois triplos consecutivos, reduziu a diferença no marcador para dois pontos (48-50), contudo o Lusitânia dos Açores soube aguentar a pressão e até ao final do ‘quarto’ reagiu e voltou a avolumar a diferença pontual entre as duas equipas (60-69).
O mau arranque da Ovarense no derradeiro período acabou por traçar o destino do jogo. Em quatro minutos a equipa de Pedro Nuno não conseguiu jogar nas áreas próximas do cesto (marcou apenas dois triplos, por Pedro Oliveira e Rodrigo Soeiro) e o Lusitânia dos Açores aproveitou para se colocar com uma vantagem de 14 pontos (66-80), que aproveitou para gerir até ao final da partida, impondo mais uma derrota à Ovarense, que coloca o clube vareiro mais longe de um lugar no “play-off”.
A sete jornadas do final da fase regular, a Ovarense arranca, agora, para um conjunto de jogos tremendamente difíceis, onde terá pela frente o CAB Madeira, já no próximo fim de semana, o Benfica, o Imortal, o Esgueira, a Académica, o Sporting e o Vitória de Guimarães.
A meio da segunda volta, a equipa orientada por Pedro Nuno soma apenas cinco vitórias, três delas alcançadas na ‘era’ de Nuno Manarte.

Jornada 19
Ovarense                     87
Lusitânia                     97
Christopher Knight    18
Cristóvão Cordeiro     05
André Silva                 nj
Pedro Pinto                 00
João Oliveira               nj
Rodrigo Soeiro           03
Pedro Bastos               10
Marcus Lovett Jr        17
Pedro Oliveira             05
Brock Gardner            06
George Beamon          16
Trey Moses                 07

CATEGORIAS