fbpx
Basquetebol: Recital de triplos no último ‘quarto’ guindou a Ovarense à vitória
fpb.pt/sportflash

Basquetebol: Recital de triplos no último ‘quarto’ guindou a Ovarense à vitória

Vareiros venceram o Maia Basket e conquistaram a quinta vitória na Liga. Marcus Lovett Jr e Pedro Bastos viraram a partida com um festival de triplos no último período.
A Ovarense venceu o Maia Basket (81-71), no passado sábado, em jogo a contar para a 18ª jornada da Liga Placard, e conquistou a quinta vitória na competição, esta temporada. Mas não teve tarefa fácil, a equipa de Pedro Nuno.
Os alvinegros entraram nervosos no encontro e no ataque estiveram irreconhecíveis nos primeiros cinco minutos do jogo (marcaram apenas dois pontos), permitindo que o Maia Basket se adiantasse no marcador (2-8). A entrada do estreante George Beamon trouxe mais eficácia ao ataque alvinegro (concretizou dois triplos consecutivos), contudo as dificuldades atacantes agudizaram-se no jogo interior e até ao final do primeiro período só mais dois triplos (um de Pedro Oliveira e outro de Rodrigo Soeiro) e dois lances livres concretizados por Marcus Lovett Jr, amenizaram a diferença no marcador (16-18).
No segundo ‘quarto’ a Ovarense aumentou a produtividade ofensiva, mas na defesa não conseguiu travar o adversário, que até ao intervalo aproveitou para consolidar a vantagem, com mais um parcial de 24-28.
Na segunda parte o rumo dos acontecimentos começou a sofrer alterações logo no terceiro período, com as equipas a dividirem o protagonismo coletivo, de tal forma que o empate no parcial (15-15) adiou todas as decisões para o derradeiro ‘quarto’.
A perder por 55-61, a equipa de Pedro Nuno puxou dos ‘galões’ e impôs uma defesa aguerrida que, não só manteve o adversário cinco minutos sem marcar, como permitiu a construção de um parcial de 14-0, que mudou a história do jogo.
Mais tranquilos, após assumirem a liderança do marcador, os vareiros viram Marcus Lovett Jr (MVP do encontro com 23 pontos, 4 ressaltos e três assistências) e Pedro Bastos (12 pontos e 1 assistência) protagonizar um recital de triplos, que em apenas dez minutos sentenciou o desfecho do jogo e permitiu à Ovarense regressar às vitórias, em casa.
Com o play-off na mira, a Ovarense defronta, no último fim de semana deste mês, em casa, a equipa do Lusitânia dos Açores.

Ovarense                     81
Maia Basket               71
Christopher Kneight   13
Cristóvão Cordeiro     00
André Silva                  nj
Pedro Pinto                  nj
João Oliveira               03
Rodrigo Soeiro           05
Pedro Bastos               12
Marcus Lovett Jr        23
Pedro Oliveira            08
Brock Gardner            05
George Beamon          08
Trey Moses                 04

CATEGORIAS