fbpx
Câmara de Ovar voltou a apoiar refeições escolares

Câmara de Ovar voltou a apoiar refeições escolares

Na sequência da suspensão das atividades letivas e não letivas, decorrente do Estado de Emergência, a Câmara Municipal de Ovar anunciou que vai conceder um apoio financeiro relativo às refeições escolares, à semelhança do que ocorreu no 3º trimestre de 2020. A proposta foi apresentada em reunião de Câmara, onde foi aprovado um apoio aos 738 alunos dos escalões A e B, do Pré-escolar e do 1º Ciclo do Ensino Básico, num valor de dois euros por dia.
Trata-se, diz a autarquia, de um apoio que tem um no valor global superior a 16 mil euros, reportando a 11 dias correspondentes ao disposto no Decreto 3-C/2021, de 22 de janeiro, vigorando entre a data de entrada em vigor do decreto e o dia 5 de fevereiro de 2021.
O apoio financeiro “foi a forma mais eficaz que a Câmara Municipal de Ovar encontrou para ajudar as famílias mais vulneráveis do concelho a fazer face com as despesas de alimentação das crianças que frequentam o pré-escolar e o 1º Ciclo”, diz a autarquia, sublinhando que, “paralelamente, tem sido dado apoio em géneros a inúmeras famílias, quer através da própria autarquia, quer através da Rede Social”.

CATEGORIAS