fbpx
Detido por cultivo de canábis

Detido por cultivo de canábis

A GNR, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Ovar, deteve, no passado dia 10, um homem de 42 anos por cultivo de canábis, no nosso concelho.
Segundo esta fonte policial, a detenção teve lugar no âmbito de uma “ação de fiscalização a uma oficina”, onde os militares da Guarda verificaram que “existia uma estufa que continha, no seu interior, plantas de canábis”. Após diligências policiais, “os militares da Guarda deram cumprimento a duas buscas, uma domiciliaria e outra em anexo, culminando na detenção do suspeito e na apreensão de diverso material”, revelou a GNR.
Do material apreendido, destaque para duas plantas de canábis, 23 doses de haxixe, sumidades de canábis, 16 sementes de canábis, uma estufa exterior para o cultivo das plantas, uma estufa interior para a secagem das plantas e diverso material associado ao cultivo de canábis.
Na sequência da ação, o Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) da GNR de Ovar elaborou quatro autos de contraordenação. “Um por falta de licenciamento para a prossecução de atividade de oficina, um por realização de operações urbanísticas sem comunicação prévia, um por falta de seguro de responsabilidade civil para o desempenho da atividade e um por falta de separação dos resíduos de forma a promover a sua valorização”, salientou a GNR.
O detido foi constituído arguido, e os factos foram remetidos para o Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Aveiro.

CATEGORIAS