fbpx
Regeneração natural de pinheiro-bravo em áreas abatidas em 2016 está a ser um sucesso

Regeneração natural de pinheiro-bravo em áreas abatidas em 2016 está a ser um sucesso

O Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) defende que a aposta na regeneração natural de pinheiro-bravo em áreas do Perímetro Florestal das Dunas de Ovar, abatidas em 2016, “estão a apresentar resultados muito positivos”.
A entidade responsável pelo processo emitiu um comunicado, na última semana, onde revela que “as duas parcelas que foram objeto de intervenção, evidenciam, hoje, uma abundante regeneração em densidade de pinheiro-bravo”. Trata-se de dois talhões intervencionados, um em Cortegaça e outro em Maceda, onde “os exemplares apresentam, “tal como esperado, uma boa adaptabilidade e bons crescimentos anuais”, uma avaliação que permite concluir que “a estratégia adotada para esta regeneração se revelou adequada, atingindo com sucesso os objetivos propostos”, destaca a instituição.

Ler notícia completa na edição impressa

CATEGORIAS